Metaverso abre um novo caminho para o capitalismo, diz um dos maiores investidores das criptomoedas

Em 1886, Karl Benz apresentou o Mercedes-Benz, que é amplamente considerado como o primeiro veículo comercial, inaugurando assim a era dos veículos sem cavalos.

Assim, Benz pode não perceber que sua invenção marcou o lançamento de uma plataforma que acabou por viabilizar Uber, Lyft, Grab, postos de gasolina, fornecedores de peças de reposição, oficinas de reparo, produtos customizados, mecânica de automóveis, e inúmeros outros relacionados ao carro.

“Resumindo: o conteúdo é a plataforma”, destacou em um artigo Yat Siu, cofundador e presidente executivo da Animoca Brands

Assim, Siu, embora um pouco desconhecido do público brasileiro é um dos maiores investidores do mercado de criptomoedas com sua empresa Animoca Brands.

Portanto, entre os investimentos feitos pela Animoca estão Axie Infinity, Star Atlas, Gala Games, Gaia Games, Ledger, Coinbase e mais de outras 100 empresas que estão entre as maiores do mercado.

Assim, segundo ele, a nova plataforma da era digital, assim como foi o carro no passado, serão os NFTs e o metaverso.

“Já em 2018, explicamos que o conteúdo é uma plataforma e o NFT fornece uma estrutura viável para tornar o conteúdo digital (em última análise) um ativo real. Esses ativos pertencem a uma comunidade privada descentralizada, estabelecendo a base para um enorme ecossistema que muda o mundo. Muito parecido com os primeiros veículos comerciais” disse.

Assim, segundo ele, este efeito de propriedade dos NFTs vai gerar uma ampla nova gama de negócios e que no metauniverso, isso é fácil de ver em jogos como The Sandbox, onde os criadores fornecem uma variedade de produtos para outros criadores usarem.

“Em 2022, impulsionado por jogos NFT, centenas de milhões de usuários entrarão no novo mundo virtual aberto”, destacou.

NFT

Assim, segundo ele, os NFTs nos metaversos significam sistemas abertos, descentralizados e sistemas conectados por todos os conceitos, como propriedade, interoperabilidade e comunidade. Governança de rede ambiental.

“Quatro anos atrás, na Animoca Brands, determinamos que os direitos de propriedade digital e NFT são a combinação perfeita para jogos. Em 2018, adquirimos um projeto emergente chamado The Sandbox, e apoiamos e investimos na Sky Mavis ( Axie Infinity ), OpenSea e Decentraland”, revelou.

Portanto, segundo ele, sua posição o permite vislumbrar uma oportunidade que vai muito além de outro empreendimento capitalista que se concentra principalmente na maximização do lucro.

“Não, acreditamos que temos a oportunidade de desenvolver uma estrutura para um capitalismo mais sustentável, ético e justo”, afirma.

Assim ele aponta que a Web 3.0 permite que todos os participantes criem e possuam uma parte do mundo digital que constitui um meta-mundo aberto.

“Isso significa que você não apenas pode se beneficiar de suas criações e ativos, mas também pode compartilhar um efeito de rede geral maior, que fará com que o valor de seus ativos seja apreciado conforme todo o ecossistema cresce”.

Portanto, segundo o investidor, como o capitalismo clássico, essa propriedade incentiva a inovação, o empreendedorismo e a assunção de riscos.

“Mas, ao contrário do capitalismo clássico, seus resultados podem beneficiar todas as partes interessadas envolvidas. A variação líquida na riqueza ou na renda não precisa ser zero. O metauniverso aberto nos oferece oportunidades de beneficiar todos os participantes e acaba com a forma tradicional de pensar de soma zero”, apontou.

Leia também: JPMorgan: Ethereum começa a perder dominância no mercado de DeFi 

Leia também: Nvidia distribuirá programa para criação de ativos no metaversos 

Leia também: Polygon, Solana e Cardano superam Ethereum na atração de novos desenvolvedores

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.