Tether realiza primeiro envio de token pela Lightning Network do Bitcoin na história

Um feito histórico ocorreu na rede do Bitcoin (BTC) esta semana. Pela primeira vez desde seu lançamento, o BTC realizou uma transação envolvendo outro token em sua blockchain.

Esta transação ocorreu na Lightning Network (LN), rede de segunda camada do BTC, e foi o envio de unidades da stablecoin dólar Tether (USDT). O processo foi realizado por Corey Philips, desenvolvedor da Synonym.

A Synonym é uma empresa que realiza pesquisas com o objetivo de expandir o uso da rede do BTC em outras modalidades. Nesse sentido, o fato de terem conseguido enviar outro token na blockchain é o enorme avanço. A experiência mostrou que a LN tem condições de fornecer suporte a outros tipos de tokens, afirmou Philips.

Momento histórico

De acordo com Philips, o envio ocorreu na versão principal da LN, portanto não se tratou de um teste. Ele utilizou os endereços do nó da LN e do usuário, inserindo-os em campos específicos. Em seguida foi criado um invoice da transação no valor de 5 USDT.

Para realizar a transação, a carteira também precisa ter BTC de saldo. No caso do exemplo de Philips, o endereço possuía cerca de 200 mil satoshis (0,00200259 BTC). Após abrir um canal com a transação, Philips pagou cerca de 0,0009236 BTC para alimentar o canal.

Após confirmar a transação por duas vezes, o canal foi alimentado e Philips pode finalmente enviar a transação. Ele selecionou os 5 USDT e enviou para o nó, confirmando o fato histórico. Pela primeira vez, outro token foi transacionado através da rede do BTC.

Enviou de cinco USDT através da LN. Fonte: Corey Philips/YouTube.

Por fim, o programador comemorou o feito com alegria ao final do vídeo. “Então, este foi o primeiro envio de USDT através da rede Lightning na história!”, afirmou Philips.

Como tudo que acontece no BTC, a transação foi registrada e compartilhada no perfil oficial da Synonym no Twitter. De acordo com os dados do site mempool.space, a operação foi dividida em cinco pequenas transações, ocorridas ao longo das 17h (horário UTC).

Avanço na LN

A Synonym Software Ltd. é uma empresa fundada pela própria Tether Holdings, emissora da USDT. Lançada em novembro de 2021, a empresa foi criada com o objetivo de trazer grandes avanços ao BTC por meio da segunda camada.

“A hiperbitcoinização não acontece magicamente por conta própria. A fim de viver em um mundo sem grandes bancos, regulamentos opressivos ou grande tecnologia presidindo sobre nossas vidas, precisamos de uma estratégia e ecossistema para substituir a economia tradicional. É aí que nós entramos”, disse o CEO da Synonym, John Carvalho, à época.

O uso da USDT na rede do BTC é um primeiro passo nesse sentido, pois traz novas possibilidades. A stablecoin é executada em diversas redes, incluindo Ethereum, Tron e Binance Smart Chain. No futuro, é possível que ela também se torne compatível com a maior blockchain do mundo.

Leia também: Crypto.com torna-se primeira empresa de criptomoedas a patrocinar a Copa do Mundo de futebol

Leia também: Mineradores de Bitcoin utilizam resíduos de carvão para gerar energia e reduzir poluição nos EUA

Leia também: Yuga Labs, criadora do Bored Ape Yacht Club, atinge avaliação de US$ 4 bilhões

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.