Elon Musk entrará com uma ação contra o Twitter nos próximos dias, diz NY Post

A “novela” Elon Musk vs. Twitter está prestes a ganhar um novo capítulo. Após a empresa de mídia social processar o bilionário pela desistência da compra da rede social por US$ 44 bilhões, o CEO da Tesla e da SpaceX quer dar o troco.

É o que afirma uma reportagem do NY Post. De acordo com a matéria, fontes disseram que Musk “planeja entrar com um contra-processo contra o Twitter nos próximos dias”. Esta é a mais recente tentativa do bilionário de cancelar seu acordo de compra da rede social.

Elon Musk e a compra do Twitter

Conforme noticiou o CriptoFácil, em abril, Musk fez uma oferta para adquirir a rede social por US$ 54,20 por ação, em um total de US$ 44 bilhões.

Em junho, o conselho do Twitter recomendou por unanimidade que os acionistas aprovassem a proposta de venda da empresa para o bilionário.

Na ocasião, o CEO da Tesla havia reiterado seu desejo de adquirir a plataforma. No entanto, já neste momento, ele dava sinais de que poderia desistir do negócio.

Em diversas ocasiões, Musk expressou preocupações com a quantidade de bots e de contas falsas na rede. Além disso, afirmou que o Twitter não era transparente com esses dados.

Finalmente, em 12 de julho Musk confirmou sua intenção de desfazer o acordo. Ele alegou que a rede social violou o acordo ao apresentar dados enganosos sobre o número de perfis falsos e bots.

Processo

Diante disso, o Twitter entrou com um processo contra o bilionário. A rede social alegou que o executivo violou diversos aspectos do acordo de fusão e exigiu que o tribunal obrigasse Musk a comprar o Twitter pelo preço inicial.

O empresário tem mais cerca de uma semana para apresentar seus pontos no caso. Mas, segundo o NY Post, os advogados dele estão tentando pressionar um juiz do Tribunal de Chancelaria de Delaware a conceder-lhes mais tempo para coletar informações sobre os bots no Twitter.

“A disputa central sobre contas falsas e spam é fundamental para o valor do Twitter”, escreveram os advogados de Musk em um documento na sexta-feira em resposta ao processo do Twitter. “Também é extremamente intensivo em fatos e especialistas, exigindo tempo substancial para investigações.”

Enquanto a defesa do Twitter quer um julgamento de quatro dias em setembro, os advogados de Musk querem que o julgamento seja aberto em fevereiro de 2023.

Vale destacar que uma batalha judicial extensa pode resultar na queda dos preços das ações do Twitter, dando a Musk mais razões para tentar renegociar o preço do acordo.

De acordo com o professor de direito corporativo e financeiro da Universidade de Iowa, Robert T. Miller, o tribunal “provavelmente concederá” o pedido do Twitter para um julgamento rápido.

Leia também: Twitter processa Elon Musk e quer obrigar bilionário a concluir compra de US$ 44 bilhões

Leia também: ‘Ele está liderando, nós estamos seguindo”, diz CZ sobre Elon Musk

Leia também: Ações do Twitter estão 36% mais baratas em comparação com a oferta de compra de Elon Musk

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.