Coinbase permitirá compra de NFT com Mastercard

A exchange Coinbase uniu forças com a gigante de pagamentos Mastercard para tentar tornar os NFTs mais acessíveis aos usuários.

Na terça-feira (18), as empresas anunciaram uma parceria para permitir pagamentos com cartão Mastercard por NFT na Coinbase.

De acordo com uma publicação no blog da Coinbase, embora os NFTs permitam que mais pessoas lucrem com seu trabalho, a experiência de compra de um NFT permanece complexa para muitos usuários:

“A Coinbase quer simplificar a experiência do usuário para permitir que mais pessoas se juntem à comunidade NFTs”, disse. “É por isso que estamos trabalhando com a Mastercard para classificar os NFTs como ‘bens digitais’, permitindo que um grupo mais amplo de consumidores compre NFTs. E, em breve, vamos ‘desbloquear’ uma nova forma de pagamento com cartões Mastercard.”

Segundo a Coinbase, a parceria com a Mastercard permitirá oferecer uma melhor experiência ao cliente em seu mercado P2P de NFTs, o “Coinbase NFT”. Esta plataforma visa facilitar a cunhagem, compra, apresentação e descoberta de NFTs.

Compra de NFTs com Mastercard

A Mastercard também emitiu um comunicado sobre a parceria. Nele, enfatizou que está trabalhando para tornar os NFTs mais acessíveis porque acredita que a tecnologia deve ser inclusiva.

“Isso estimula a inovação, ajuda as economias a crescer e expande as opções para os consumidores. Para NFTs especificamente, muitos desses bens digitais são criados por músicos, artistas e designers de videogames. A expansão do público para NFTs permite que esse mercado em expansão dê suporte a mais criadores. Isso pode desencadear a próxima evolução do comércio digital”, disse a Mastercard.

A empresa ressaltou ainda que oferecerá recursos de segurança para garantir proteção dos dados e segurança dos NFTs.

Mastercard avança no mundo cripto

A Mastercard tornou-se cada vez mais envolvida no espaço de criptoativos à medida que a indústria cresce. Em 2021, a companhia firmou uma parceria com a Circle para liquidar os pagamentos do USDC. 

Além disso, se uniu à ConsenSys no lançamento de uma solução para tornar a rede Ethereum mais escalável, rápida e privada, a ConsenSys Rollups.

Também no ano passado a Mastercard anunciou a aquisição da empresa de rastreamento de criptomoedas CipherTrace.

O objetivo, de acordo com a empresa, é ampliar seus recursos na área de criptomoedas, fornecendo “transparência e suporte” para o ecossistema.

Leia também: “Não sei o que é, mas odeio NFT”, diz Felipe Castanhari

Leia também: Hash rate do Bitcoin deve dobrar em 2022, afirma Blockware

Leia também: Bitcoin sobe e volta para US$ 42 mil, mas criptomoedas continuam caindo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.