Perfil do IBGE no Twitter é hackeado e passa a promover golpe com criptomoedas e NFT

O perfil do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no Twitter foi alvo de um ataque hacker na última segunda-feira (1º), quando o órgão iniciou o Censo Demográfico de 2022.

Após a invasão, os hackers alteraram o nome da conta para “Exodus Crypto Wallet”, o nome de uma carteira de criptomoedas. Eles também mudaram a foto de perfil da conta.

Além disso, os invasores trocaram o país de origem do perfil de Brasil para Estados Unidos. Enquanto isso, a “bio” da conta passou a exibir o seguinte texto:

“Exodus é uma carteira de criptoativos de auto-custódia. Saia do sistema financeiro tradicional. Baixe o Exodus para proteger e gerenciar suas criptomoedas agora.”

Captura de tela da conta do IBGE

Captura de tela da conta do IBGE

Golpe com cripto

Embora pareça uma mensagem legítima, é muito provável que tenha se tratado de um golpe. Isso porque o link fornecido para baixar a carteira leva a um site com características suspeitas.

No site é oferecido o download do app “Exodus NFT Marketplace”, que supostamente permite que o usuário armazene seus ativos digitais e que compre tokens não fungíveis (NFTs).

Mas uma mensagem, em particular, chama a atenção para um possível golpe. Trata-se da promessa de um airdrop (distribuição de ativos digitais) a quem se registrar no aplicativo.

Mais precisamente, eles prometem 0,50 Ether (ETH) aos primeiros usuários registrados. Ou seja, mais de R$ 4.120 na cotação atual em reais. Há, ainda, uma lista de pessoas que supostamente participaram do airdrop.

O fato é que, além de o link ser suspeito, falsos airdrops são comumente usados por golpistas para roubar criptomoedas de usuários desavisados.

Além disso, ataques a contas populares nas redes sociais, como Twitter e YouTube, são outra estratégia comum de cibercriminosos.

Recentemente, conforme noticiou o CriptoFácil, a FlaTV, canal do clube de futebol Flamengo no YouTube, com mais de 6,5 milhões de inscritos, foi alvo de um ataque hacker.

Após a invasão, todo o conteúdo do canal foi apagado e iniciou-se uma transmissão ao vivo promovendo um golpe com criptomoedas.

A live chegou a ter mais de 70 mil usuários assistindo ao conteúdo, de acordo com uma reportagem do jornal Lance!. Contudo, o golpe durou pouco e pouco tempo depois o clube informou que conseguiu recuperar seu canal.

IBGE recupera conta no Twitter

No caso do IBGE, que tem mais de 188 mil seguidores no Twitter, o ataque durou pouco. Isso porque os gestores das redes sociais conseguiram recuperar a conta e os dados. De acordo com o instituto, a recuperação ocorreu por volta das 20h10 da segunda-feira.

“Os gestores de nossas redes sociais já alertaram aos administradores do Twitter e acionaram a área de informática do IBGE”, disse o órgão em nota.

Leia também: NFTs do game MetalCore esgotam em poucos minutos

Leia também: Nomad sofre ataque hacker e tem quase R$ 1 bilhão em tokens roubados

Leia também: Cidade de Honduras lança projeto “Bitcoin Valley” para atrair turistas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.