Gavea lança primeira bolsa digital de commodities agrícolas do país com blockchain

A empresa de tecnologia Gavea anunciou o lançamento de uma bolsa digital de commodities agrícolas do país baseada em blockchain.

Conforme explicou a empresa, a plataforma funciona como uma bolsa de OTC. Ou seja, permite aos compradores e vendedores saberem com quem estão negociando na outra ponta, com rastreabilidade e transparência na origem dos produtos e sem intermediários.

“Isso é possível graças a um time de profissionais experientes e qualificados, ao uso da blockchain e de inteligência artificial, que dão à plataforma um ambiente digital, rastreável e seguro”, diz Vítor Uchôa Nunes, fundador e CEO da Gavea e ex-diretor executivo do BTG Pactual.

Além de Vítor, a startup é liderada pelos sócios Diogo Iafelice, diretor comercial, e Bruno Holtz, diretor de tecnologia.

Para o lançamento, a Gavea escolheu a Corda, blockchain privada criada pelo consórcio mundial de bancos R3. A plataforma é uma das primeiras com funcionalidades de B2B e que hoje compete com soluções da IBM e da Oracle.

Blockchain

De acordo com a Gavea, o uso da blockchain se dá pela rastreabilidade e tokenização, o fracionamento de ativos reais em ativos digitais.

“Por exemplo: um vendedor vende certa quantidade de tokens para um comprador, representando um volume de soja ou milho. As partes conversam entre si, usando a interface da Gavea. Mas é a própria blockchain que movimenta os tokens da carteira de um para a do outro”, explica Bruno Holtz, também ex-BTG.

A ideia, segundo ele, é dar escalabilidade e segurança às transações na comparação com os sistemas tradicionais.

As negociações são feitas à vista (“spot”) ou a prazo (“forward”) e os pagamentos são em real ou dólares. Conforme explicou Nunes, a geração de contratos 100% digitais, assinados com certificado ICP-Brasil, resulta em menores custos transacionais e operacionais. E, portanto, em maior margem de lucro aos participantes.

“Criamos um ambiente tecnológico moderno e com governança robusta. Contamos com auditoria da KPMG e com certificações internacionais que dão ainda mais conforto aos nossos clientes e investidores. E não há nenhum custo nenhum inerente às operações na plataforma para os produtores, fornecedores e vendedores em geral”, finalizou.

Leia também: Bitcoin supera US$ 57.000 pela 1ª vez em 5 meses; analistas apontam razões para alta

Leia também: Axie Infinity aumentou 223 vezes este ano: aqui está o que está impulsionando os AXS

Leia também: Bitcoin permanece acima dos US$ 57 mil e Shiba Inu entra para a lista das 15 maiores moedas do mercado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.