Bitcoin cai 6% após presidente do Fed sugerir mais altas de juros nos EUA

O preço do Bitcoin (BTC) opera em queda de 6,08%, aos US$ 20.168, de acordo com dados do CoinMarketCap. A queda teve início perto das 13h, quando o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, começou sua sabatina no Congresso.

Powell foi convocado para dar explicações sobre a inflação dos Estados Unidos, que atingiu a maior alta desde 1982. E o presidente do Fed foi taxativo: o banco central precisa acelerar a elevação dos juros.

Na semana passada, o Fed elevou a taxa de juros da economia em 0,75%, subindo os juros para 1,5% ao ano. Este foi o maior aumento individual na taxa de juros desde 1994 e marcou o fim da postura expansionista do Fed.

Meta é com a estabilidade de preços

Powell explicou aos congressistas que a meta do Fed é conduzir a inflação para patamares mais estáveis. O Fed tem como meta uma inflação anual de 2%, mas dificilmente atingirá este número ainda em 2022.

Nesse sentido, o caminho agressivo que o Fed tomou visa moderar a inflação no médio prazo. Contudo, Powell admitiu que o banco central tem pouco poder sobre problemas de abastecimento, que são aqueles que tem afetado os preços de petróleo e alimentos.

Para o executivo, os problemas de oferta não estão ao alcance do Fed, então o banco tenta atuar para reduzir a demanda das famílias. Com juros mais altos, o consumo tende a se reduzir e a inflação deve cair ao longo do tempo.

Contudo, o Fed também possui o compromisso de manter a economia estadunidense em crescimento, o que é uma contradição. Afinal, se o Fed mantiver os juros mais baixos, as empresas irão reduzir custos e investimentos, o que pode afetar o crescimento da economia.

“Nunca disse que seria fácil. Conseguir reduzir a inflação para meta de 2% e manter o mercado de trabalho aquecido vai ser muito desafiador”, disse Powell.

Powell também foi questionado quanto à intensidade dos novos aumentos nos juros, mas não se comprometeu com novas altas de 0,75%. Em vez disso ele adotou um tom mais esquivo, dizendo que os mercados já precificaram um cenário apropriado, já tendo absorvido um certo número de altas.

Impactos no Bitcoin

A sabatina de Powell no Congresso estadunidense interrompeu a alta do BTC, que chegou a encostar nos US$ 21 mil na terça-feira (21). Conforme Powell respondia às perguntas, a criptomoeda aumentou gradativamente seu movimento de baixa.

Isso ocorre porque o BTC é visto pelo mercado como um ativo de risco, por causa de sua elevada volatilidade, e os aumentos de juros nos EUA tornam os ativos de risco menos atrativos.

Portanto, quando os juros sobem, os investidores migram seus recursos para os títulos do governo, considerados mais seguros. Para isso, vendem participações em ativos de risco, como a bolsa e o BTC.

Mas ao contrário do BTC, os mercados de ações reagiram melhor à fala de Powell. Até às 14h desta quarta-feira, o S&P 500, por exemplo, opera em leve alta de 0,15%, enquanto o Nasdaq 100 tem alta de 0,34%. O ETF da bolsa brasileira nos EUA (EWZ) opera em alta de 0,29%.

Leia também: Citibank vai desenvolver serviços de custódia de criptotivos

Leia também: Meta revela novas ferramentas de monetização no Facebook e Instagram

Leia também: BAYC faz parceria com a Rolling Stone para lançar NFTs de edição limitada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.