Token estreia valendo mais que o Itaú; entenda o projeto

Um token chamado ICP, do projeto Internet Computer, foi listado no CoinMarketCap na segunda-feira (10). E duas coisas neste lançamento deixaram os investidores curiosos.

A primeira delas é que o token se tornou um dos dez maiores em valor de mercado logo após a listagem. Já a segunda é, justamente, o seu alto valor de mercado atingido em menos de 48 horas de negociação.

Token dispara e supera maior banco do Brasil

O ICP disparou na largada logo após o seu lançamento. Neste momento, ele ocupa a 8ª colocação em valor de mercado. É importante ressaltar que ele está na frente de criptomedas importantes como Litecoin, Chainlink e Uniswap.

Com 123,7 milhões de unidades em circulação, o token possui um valor de mercado total de US$ 51,8 bilhões. Na cotação atual do dólar, esse valor equivale a R$ 269 bilhões.

De forma impressionante, o ICP atingiu esse valor em menos de dois dias. Ele já é mais valioso do que o banco Itaú, maior banco privado do Brasil, que possui cerca de R$ 259 bilhões em valor de mercado.

Cada unidade de ICP vale US$ 418, cerca de R$ 2.214 na cotação atual. Porém, ele chegou a atingir impressionantes US$ 731 na sua abertura, cerca de R$ 3,8 mil.

O token teve uma forte volatilidade nas primeiras horas, estabilizando-se ao longo da faixa de preço atual.

Em resumo, um token foi lançado recentemente. Em poucas horas ele disparou, superou várias criptomoedas consolidadas e ainda superou o maior banco brasileiro em valor de mercado.

Computador em blockchain

Apesar de ter sido lançado em 2021, o ICP é fruto de um projeto que já dura 5 anos. Ele foi desenvolvido pela Fundação Dfinity, que trabalha no Internet Computer desde 2016.

Segundo um texto da Messari, o projeto busca expandir as funcionalidades de toda a atual internet utilizando o protocolo blockchain.

Essa premissa pode se assimilar com o Ethereum, que surgiu com o propósito de ser um computador mundial e descentralizado.

O objetivo do ICP é ser o primeiro computador do mundo feito totalmente em blockchain. Alguns problemas que o protocolo pretende responder são a segurança de dados na Internet e a centralização em grandes companhias, como Facebook e Google.

Ele busca reduzir a dependência dessas empresas e do próprio protocolo TCP/IP. Sua estrutura depende de servidores espalhados em vários locais do mundo, que armazenam os nós do Internet Computer.

“Os casos de uso incluem redes sociais, mensagens privadas, pesquisa, armazenamento e interações P2P da Internet. Se o IC conseguir substituir a Internet atual, não haverá necessidade de serviços centralizados de DNS, antivírus, firewalls, sistemas de banco de dados, serviços em nuvem e VPNs”, afirmou a Messari.

Grandes investidores e exchanges

Apesar de seu lançamento recente, o ICP já nasceu grande. Em termos de apoio, ele já chegou com o suporte das maiores exchanges do mundo. O projeto também passou por duas rodadas de investimento.

Em fevereiro de 2017, o Internet Computer captou US$ 3,9 milhões de francos suíços, cerca de R$ 22,7 milhões na cotação atual. O preço do ICP ficou em US$ 0,03 por token à época.

A segunda rodada foi em janeiro de 2018, captando um total de US$ 20,54 milhões, que equivalem a R$ 106 bilhões na cotação atual.

Um desses investimentos foi realizado pela exchange OKEx. O valor foi de US$ 10 milhões e partiu do Blockdream Ventures, braço de investimentos da OKEx.

Junto com o investimento, a exchange também listou o ICP em sua plataforma. O token será negociado nos pares ICP/USDT e ICP/BTC, além de ter pares listados na Binance e na Coinbase Pro.

Por que o ICP?

Em conversa com o CriptoFácil, a equipe do Blockdream Ventures explicou o que motivou a escolha por investir no Internet Computer.

A fundação criada pela OKEx se disse “otimista” em relação à DFINITY. A intenção é ajudar a florescer os projetos que surgirão na DFINITY, estabelecendo parcerias ao mesmo tempo em que fomenta o crescimento das criptomoedas.

Além do investimento, o Blockdream Ventures ainda comentou que os melhores projetos podem ser recompensados com a listagem na OKEx.

Toda a iniciativa faz parte do esforço da exchange em descobrir novos projetos, ajudando empreendedores que se aventuram no mercado de moedas digitais.

Leia também: 5 tokens estão na mira da Coinbase e podem disparar em breve

Leia também: Vai ser difícil tirar o Bitcoin como reserva de valor, diz lendário investidor

Leia também: Inflação de abril aumenta como esperado e juro real permanece negativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.