SushiSwap adiciona troca de tokens entre Ethereum, BNB Chain e outras redes

A exchange descentralizada (DEX) SushiSwap anunciou o lançamento de seu próprio criador de mercado automático de rede cruzada (AMM), o SushiXSwap.

Com esta nova solução, os usuários podem movimentar os fundos de uma blockchain para outra sem sair da plataforma e sem a necessidade de usar pontes.

O novo recurso já está disponível e suporta as principais redes usadas pelos protocolos de finanças descentralizadas (DeFi). Entre as redes estão o Ethereum, a BNB Chain, a Avalanche e a Polygon.

Além disso, o recurso também suporta as soluções de escalabilidade de segunda camada da rede Ethereum, como os rollups Arbitrum e Optimism. Conforme relatou a SushiSwap, outras blockchains serão adicionadas no futuro.

SushiSwap

Para se conectar ao protocolo, é possível acessar com as carteiras Metamask, WalletConnect, Gnosis Safe e Coinbase. De acordo com a exchange, o objetivo do produto é resolver “a horrível experiência do usuário”.

Ou seja, não é mais preciso usar várias blockchains e plataformas para movimentar fundos. Segundo os desenvolvedores da DEX, a dificuldade na movimentação de fundos entre as redes é “a principal barreira para a adoção em massa desses aplicativos descentralizados (dApps)”.

A SushiXSwap usa o protocolo Stargate da LayerZero, que usa “várias pontes” entre as redes para fornecer ao usuário o melhor preço no par de criptomoedas escolhido.

Este protocolo DeFi está entre os mais usados no mundo, com uma presença particularmente forte em DeFi na rede Ethereum.

De acordo com o site DeFi Llama, o protocolo tem um valor total bloqueado (TVL) de US$ 680 milhões, dos quais US$ 518 milhões estão em ETH.

Após sua criação, o SushiSwap conseguiu captar fundos de muitos usuários da Uniswap. Dessa forma, tornou-se a DEX mais líquida do mundo. Hoje, a plataforma está entre as 12 mais usadas no Ethereum e entre as 20 mais usadas entre todas as blockchains.

Leia também: Boletim NEOS: Barcelona lança o primeiro NFT na história do clube 

Leia também: CZ da Binance processa Bloomberg por difamação

Leia também: Governo da Argentina restringe investimentos em criptomoedas para conter fuga de dólares

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.