Momento no Brasil é propício para criptomoedas, dizem especialistas

O mercado de criptomoedas brasileiro foi tema no evento global Consensus, por meio do painel Crypto State: Brazil, realizado na terça-feira (25). O evento contou com representantes da exchange Mercado Bitcoin, da gestora QR Capital e do banco BTG Pactual.

Alguns dos temas discutidos foram o desenvolvimento do mercado brasileiro e a chegada de novos produtos de investimento. O CriptoFácil conversou com QR Capital e Mercado Bitcoin para saber a impressão de ambos sobre o evento.

Mercado brasileiro e ETFs

O CEO da QR Capital, Fernando Carvalho, expôs suas expectativas para o futuro do mercado brasileiro de criptomoedas. Na visão do gestor, existem pelo menos dois motivos para otimismo.

O primeiro deles são os juros em patamares historicamente baixos. Apesar dos aumentos recentes, a taxa Selic continua em 3,5% ao ano. A queda foi substancial em relação aos 14% registrados em 2016.

Para Carvalho, os juros baixos levaram o brasileiro a buscar novas opções para diversificar seu portfólio. Nesse cenário, o Bitcoin (BTC) entra como uma alternativa interessante.

Além disso, o alto preço das commodities e a disparada da inflação podem impulsionar essa demanda. Como um bem digital escasso, o BTC pode atuar perfeitamente como uma reserva de valor.

“Houve uma alta demanda por investimentos alternativos no Brasil (com a queda da Selic). Este ano estamos vendo o preço de commodities subindo e pressionando a taxa de inflação. Esses fatores podem ser um novo impulso para o investimento em criptoativos no país em 2021”, disse Carvalho.

A própria gestora está com um ETF (QBTC11) já aprovado. Ela espera captar R$ 500 milhões com o lançamento do produto, que ainda não tem uma data definida.

Brasil disputa atenção internacional

Quem também participou do painel foi Fabrício Tota, diretor de novos negócios da Mercado Bitcoin. Para o empresário, o painel brasileiro na Consensus foi bastante positiva.

“Do ponto de vista internacional, é importante notar a atenção que o Brasil tem e que atrai diversos players. Ter participado da Consensus em um painel sobre Brasil foi um orgulho e honra para a 2TM, visto que estamos em constante contribuição para o crescimento local”, afirmou.

Leia também: 5 tokens abaixo de R$ 2 para lucrar neste ciclo de alta, segundo trader

Leia também: Baleias acumulam R$ 16 bilhões em Bitcoin com a recente queda

Leia também: Ações brasileiras são afetadas com inflação nos EUA; saiba quais são

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.