Mercado de criptomoedas segue cheio de oportunidades, dizem analistas

O mercado de criptomoedas disputa uma região de fundo há quase 30 dias. Mesmo assim, analistas veem oportunidades de compra no Bitcoin e outras criptomoedas. Confira os estudos do TradingView.

Ductor Marcus

No gráfico BTC/BRL, destaquei os pontos mais relevantes de movimentação do Bitcoin. Atualmente, estamos em zona de topo de acumulação. Ou seja, pode até subir mais um pouco e daí vir uma correção.

Estipulo neste momento que temos um suporte intradia bem definido em R$ 181 mil. No gráfico, os demais alvos estão exemplificados por seus respectivos retângulos.

Deixo uma observação sobre o suporte na região entre R$ 118 mil e R$ 110 mil: caso o preço chegue até ali, algo muito ruim terá acontecido. Embora seja uma hipótese remota, não posso deixar de sinalizar.

Já temos uma boa região de suporte na região identificada como “+ importante”. Desta forma, não se apavore se ocorrer o rompimento dos fundos anteriores a caráter de sombra.

O que não pode ocorrer, de forma alguma, é um fechamento abaixo dessa zona e candles de continuidade.

Veja o gráfico dinâmico.

BTC/BRL

Rogerio An4rk

Estamos analisando o Wyckoff no gráfico do Bitcoin nessa fase que chamamos de bear market ou lateralização. As velas de preço não alcançaram ou romperam a região de resistência do Bitcoin, rejeitando por enquanto a ideia de altas confirmadas.

Também temos que olhar para o volume do dia 19 de maio e também para 8 de junho, onde foram os pontos que confirmam o suporte para este canal do BTC.

Nessas datas, não temos o retorno de volume para o BTC, deixando sem confirmação o Spring Test. Ainda, este cenário também não confirma a finalização da fase C. Conclusão: podemos esperar mais uma queda e um novo teste na região de suporte.

Fiquem atentos: para quem quer aproveitar o desconto, é uma boa região de compra.

Veja o gráfico dinâmico.

BTC/USD

Gabriel Fauth

O gráfico da Cardano está muito bom no intradia, com regiões bem definidas nas suas resistências e suportes. É possível notar claramente, por meio das extremidades bem salientes do VP e pelo próprio price action, a defesa de compradores entre US$ 1,44 e US$ 1,36, bem como os vendedores entre US$ 1,87 e US$ 1,79.

Acima da resistência e abaixo do suporte, temos regiões onde o preço negociou pouco, demonstrando baixa liquidez. Quem sabe operar caixote, está se dando bem nesse cenário. Contudo, não prevejo rompimento até o momento.

O próprio CCI denuncia divergência em todo o teste de baixa. Isso também me leva a crer que a leitura do mercado ainda é altista, ou seja, é mais comum os players entrarem na compra do que na venda. Provavelmente, players de hold buscam fazer boas compras com olhar nos fundamentos do projeto.

Veja o gráfico dinâmico.

ADA/USD

Allan Jhones

O preço do Ethereum segue o Bitcoin de perto, fazendo com que a ETH não consiga ultrapassar os US$ 2.620. Isso indica um possível retorno aos US$ 2.500 ao longo do dia.

Na próxima semana, completa 1 mês que o preço está em lateralização entre os níveis de US$ 2.200 e US$ 2.900, mostrando um certo equilíbrio entre compradores e vendedores. Da mesma forma, o BTC está preso entre US$ 30 mil e US$ 40 mil.

A indefinição do movimento prevalece, porém, com maior probabilidade de queda. Vejo suporte entre US$ 2.200 e US$ 2.300.

Veja o gráfico dinâmico.

ETH/USD

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Ductor Marcus, Rogerio An4rk, Gabriel Fauth e Allan Jhones.

Leia também: Bloco do Bitcoin é minerado sem nenhuma transação; isso é normal?

Leia também: Bitcoin tem quase 50% dominado por baleias, revelam dados

Leia também: Investidor lucra 1.000% com Bitcoin ao fazer hold forçado pela Coinbase

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.