Facebook anuncia que vai mudar de nome para focar no Metaverso

O Facebook anunciou que mudará sua marca visando ampliar sua atuação para além de uma rede social.

De acordo com o CEO da empresa, Mark Zuckerberg, a mudança do Facebook para uma nova rede em metaverso começa já na próxima semana com a mudança da marca.

Segundo informações, o bilionário deve anunciar a mudança na conferência anual da empresa, Connect 2021, no dia 28 de outubro.

O novo nome da empresa de tecnologia ainda é desconhecido. No entanto, espera-se que a mudança não afete a rede social Facebook. Ou seja, a nova marca deve afetar apenas o conglomerado que hoje leva esse nome e inclui produtos como WhatsApp e Instagram.

Metaverso

A mudança da marca do Facebook trouxe consigo comentários sobre possíveis objetivos, além de aderir à corrente dos metaversos.

Acredita-se que o rebranding pode ser uma forma de afastar o novo projeto das percepções negativas geradas pelo modelo de negócios da empresa e da constante perseguição de reguladores e legisladores.

Atualmente, o Facebook continua com seus planos em termos de sistemas de pagamento digital. A ideia teve início em 2019 com o projeto fracassado de uma criptomoeda própria chamada Libra.

Devido às pressões regulatórias, o projeto perdeu apoiadores e foi reformulado, passando a se chamar Diem.

Além disso, recentemente, foi lançado um teste piloto da carteira de moedas digitais do Facebook Novi. Contudo, em vez de usar Diem, a carteira usará a stablecoin Pax Dollar (USDP).

Sobre o metaverso

Metaverso é um ambiente virtual no ciberespaço onde as pessoas interagem, social e economicamente, por meio de seus ícones ou avatares. O termo foi usado pela primeira vez em 1992, em um romance de ficção científica.

Um dos principais exemplos de metaverso hoje são o SecondLife o Decentraland, que tem o criptoativo MANA.

O conceito está ganhando cada vez mais manchetes. No mundo das criptomoedas, muitos jogos NFT mundialmente famosos têm como objetivo construir seu próprio metaverso.

Nesta semana, o Facebook anunciou que pretende contratar 10 mil pessoas para ajudar a construir sua plataforma de computação baseada no conceito de metaverso.

Leia também: Santos segue o Vasco e tokeniza mecanismo de solidariedade em cesta com Neymar e Gabigol

Leia também: Solana atinge máxima histórica após recorde de valor alocado em DeFi

Leia também: Maior gestora de títulos públicos do mundo pretende negociar criptomoedas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.