Disney quer combater pirataria com blockchain

A Disney registrou em abril uma patente de antipirataria baseada em blockchain. Segundo o TorrentFreak, a concessão pública diz respeito a projetos contra distribuição ilegal e de vazamento de produções.

Embora a empresa de Walt Disney tenha outros programas de monitoramento de pirataria, este é o primeiro envolvendo blockchain.

Esforços contra pirataria

A patente dá à Disney os direitos do sistema “Configuração em Blockchain para a Entrega Segura de Conteúdo”.

O pedido de patente foi registrado pela companhia em abril com o objetivo de combater a pirataria de seus produtos audiovisuais.

“A configuração em blockchain tem um mecanismo de auditoria automatizado que rastreia a reprodução do conteúdo no destino para garantir que a quantidade de reproduções seja registrada com precisão. Portanto, a pirataria pelo destinatário na forma de uma maior quantidade de reproduções reais do que reproduções relatadas é evitada”, revela a empresa.

A detentora dos universos cinematográficos da Marvel e Star Wars já desenvolvia sistemas de segurança em parceria com a Alliance for Creativity in Entertainment (ACE).

No entanto, os esforços não se mostraram suficientes para bloquear a distribuição ilegal de seus filmes.

“Alguns mecanismos de segurança costumam ser reativos e não preventivos. Por exemplo, as configurações de marca d’água em conteúdo para rastrear a pirataria após esta já ter ocorrido. Com isso, as configurações atuais não previnem adequadamente a distribuição ilegal de produtos”, explica a companhia.

Rastreio de pirataria na plataforma Disney Plus

Embora a pirataria de megaproduções sejam as mais visadas, possivelmente a Disney também protegerá suas séries.

No documento é revelado que a patente se estende a “outros ambientes de produção”, sinalizando para a plataforma de streaming Disney Plus.

Segundo a empresa, o mecanismo iria liberar o acesso aos conteúdos apenas mediante credenciais autorizadas.

No entanto, a empresa não apresentou mais detalhes, como o prazo para a implementação do sistema.

Mercado de mídia adere blockchain

A Disney não é a primeira empresa de mídia a demonstrar interesse pela tecnologia blockchain.

No início deste ano, a DISH Network também garantiu uma concessão de antipirataria com base na tecnologia.

Leia também: Elon Musk beneficiou 5 criptomoedas ao criticar o Bitcoin

Leia também: Brazil Samba Token: token brasileiro focado em crowdfunding é lançado

Leia também: Day trade só dá certo para ricos e experientes, afirma professor da B3

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.