Bitcoin pode subir mais por 2 motivos; saiba quais são

O analista de criptomoedas Jordan Lyanchev está otimista com o preço do Bitcoin (BTC) no curto prazo e destaca que alguns fatores sustentam sua posição.

Segundo ele, a quantidade de stablecoins nas exchanges ultrapassou a quantidade de BTC. Este fato, combinado com todo o sentimento em relação às criptomoedas e as massivas retiradas de BTC das exchanges, deve impulsionar um novo impulso no preço.

Lyanchev usa dados da CryptoQuant, mais precisamente o indicador Stalebcoins Ratio MACD. Ele aponta que o indicador está em fase otimista para o BTC.

A métrica segue a quantidade de BTC em dólares e divide pelas reservas stablecoins em todas as exchanges. Ou seja, o Stablecoins Ratio MACD retrata a pressão de venda nas plataformas de negociação de criptomoedas.

“A empresa concluiu que há um alto número de stablecoins armazenadas nas exchanges em comparação com o numero disponível de Bitcoins. Sempre que este cenário se forma, o preço do Bitcoin apresenta alta”, disse.

Ainda, o analista cita como exemplo a presente alta, que começou em setembro do ano passado. À época, as stablecoins estavam em maior disponibilidade em exchanges do que Bitcoins.

“Em contraste, o número de BTC superou o de stablecoins no início de 2021, quando o BTC corrigiu milhares de dólares”, explica.

Medo e ganância

Outro ponto levantado por Lyanchev é o índice de sentimento do mercado. O Índice de Medo e Ganância resume o sentimento geral dos investidores sobre o mercado de criptomoedas.

Em uma escala de 0 a 1000, o medidor varia entre o medo extremo (0) e a ganância extrema (100).

“Muito parecido com o Stablecoins Ratio MACD, ele geralmente fornece um importante indicador sobre o mercado de criptomoedas. Quando o índice atinge a ganância extrema, os preços começam a retroceder e vice-versa”, disse.

Em meados de abril, o indicador estava bem acima de 75, representando maior ganância. Trata-se do período em que o BTC tocou os US$ 65.000. Após, o Bitcoin declinou gradualmente, chegando aos US$ 30 mil.

“Agora, indicador está em um estado de ‘medo extremo’ por mais de uma semana. Assim, o preço do BTC pode estar indo para mais um ciclo de alta, caso a história se repita,” finalizou.

Leia também: Volatilidade do Bitcoin afeta desempenho do S&P 500 nos EUA, diz estudo

Leia também: ETH e ADA podem superar Bitcoin no longo prazo, diz Augusto Backes

Leia também: OKEx oferece “poupança” de TRX que rende 7,5%

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.