Binance recebe R$ 7,5 bilhões em USDT da Tether; vem alta aí?

A Tether emitiu 1 bilhão de USDT nesta segunda-feira (17) e enviou para a Binance, equivalente a cerca de R$ 7,5 bilhões. A ação pode representar uma pressão de compra que, consequentemente, pode impulsionar o Bitcoin e outras criptomoedas.

Isso porque, conforme analistas estimam, a emissão de USDT em grande escala é feita para cobrir a demanda do mercado. Ou seja, traders precisam de mais USDT para negociar.

É possível que este seja o início de uma recuperação do Bitcoin, com traders aproveitando para comprar durante a baixa.

Bitcoin vai exibir nova alta?

A Binance recebeu da Tether 1,050 bilhão em tokens USDT por meio de três transações. A primeira de “apenas” 50 milhões, seguidas de duas com 500 milhões de stablecoins cada.

É possível que, assim como em ocorrências passadas, o preço do Bitcoin possa experienciar um “pump” nos próximos dias. Ou seja, um rápido pico causado por uma pressão de compra influenciada pela emissão de USDT.

Cole Garner já havia publicado em seu Twitter um gráfico relacionando a emissão da stablecoin da Tether o preço do BTC logo em seguida:

Gráfico

Além disso, analistas entendem que uma parcela considerável das compras de criptomoedas são feitas através de USDT. Desta forma, e considerando que a Binance é uma das maiores exchanges do mundo em volume, é possível que a emissão seja para atender uma demanda do livro de ordens.

Ainda que essa seja apenas uma possibilidade baseada em ocorrências passadas, é importante ter atenção à possibilidade de salto do Bitcoin.

Pode ser que não

Conforme dito por Felipe Escudero em dezembro de 2020 ao CriptoFácil, é possível que as emissões atuais de USDT não tenham tanto impacto no preço.

Escudero é trader e anfitrião do canal BitNada. Segundo ele, tendo em vista o aumento no interesse institucional, é possível que o movimento do varejo não impacte tanto o preço do Bitcoin.

Assim, caso seja uma tentativa de manipulação, é possível que ela não seja tão efetiva no momento atual.

Mercado ainda desconfia

Embora o processo contra a Tether movido pela Procuradoria do Estado de Nova York tenha acabado em acordo, o mercado de criptomoedas ainda não se convenceu sobre o papel da empresa nos preços das criptomoedas — especialmente do Bitcoin.

Os temores em torno do USDT se acentuaram após a Tether revelar que menos de 3% do lastro da criptomoeda é garantido por dinheiro em caixa.

Tendo em vista o confuso lastro, investidores e entusiastas se preocupam com as grandes emissões de USDT.

Leia também: 5 assuntos sobre Bitcoin para acompanhar nesta semana

Leia também: Cofundador do Ethereum some com R$ 35 bilhões do token SHIB

Leia também: 5 criptomoedas promissoras que custam menos de R$ 4, recomenda trader

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.