Binance lança serviço de oracle na BNB Chain para conectar blockchain e mundo físico

A Chainlink tem uma nova “rival” na oferta de serviços de oracles (oráculos). Isso porque a Binance anunciou nesta quarta-feira (26) o lançamento de uma solução que visa conectar os aplicativos em blockchain com dados do mundo físico – função dos oráculos. O Binance Oracle, como foi chamado, será aplicado inicialmente à blockchain da Binance, a BNB Chain. Mas a empresa informou que tem planos para expandir o uso da solução para outras redes.

Conforme informou a Binance, mais de dez projetos da BNB Chain já se integraram ao Binance Oracle. Mas a previsão é a solução beneficie um total de 1.400 aplicativos da BNB Chain.

“A Binance Oracle vai emergir como um contribuinte significativo para a Web 3.0, oferecendo uma rede Oracle estável, confiável e eficiente com recursos abrangentes de precisão e acessibilidade”, disse Gwendolyn Regina, diretora de investimentos da BNB Chain.

Ainda segundo Regina, usar oráculos para aumentar o conhecimento do contrato inteligente sobre o que está acontecendo fora da blockchain, permitindo que ele responda a eventos externos com ações específicas, é algo crucial.

O que é um oráculo no mundo cripto?

No mundo cripto, os oráculos possuem a função de trazer dados do mundo físico para o mundo digital – e vice-versa – de forma automatizada. Esses dados podem variar de informações de preços a previsões meteorológicas.

Além disso, essas soluções também permitem a tokenização de ativos. Ou seja, os oráculos funcionam como pontes, ligando os dados de APIs e de provedores de internet aos smart contracts. Hoje, a Chainlink é a rede de oráculos mais conhecida no mercado cripto. A plataforma atende a mais de 690.000 usuários ativos em muitas blockchains diferentes.

Mas isso pode estar prestes a mudar com a chegada da Binance ao setor de oráculos. De acordo com a Binance, a sua solução de oráculo vai agregar dados fora da rede (off-chain) necessários para apps como os do setor de DeFi

Além disso, o Binance Oracle fará uso de “assinaturas de limite”, um tipo de ferramenta criptográfica que ajuda a assinar com segurança feeds de dados em aplicativos de blockchain. Conforme informou a empresa, essa solução garantirá que não haja um único ponto de falha nos feeds de dados.

Além da Chainlink e do Binance Oracle, há outros projetos do tipo do mercado como, por exemplo, o Band Protocol, o Ocean e o Pyth.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.