Axie Infinity atinge US$ 2 bilhões de vendas em NFT

O fenômeno play-to-earn, Axie Infinity, atingiu a marca de US$ 2 bilhões em vendas de NFT para a desenvolvedora Sky Mavis. De acordo com a medição do DappRadar, o jogo atingiu a marca na última sexta-feira (17).

Este novo record faz do Axie Infinity o jogo vietnamita no estilo play-to-earn mais rentável dos últimos tempos.

O game utiliza NFTs de personagens fofos para arrecadar dinheiro e também oferecer a oportunidade de ganhos para os jogadores. Para jogar, é necessário comprar um personagem que podem variar entre US$ 17 até mais de US$100 milhões, de acordo com o marketplace.

Para desenvolver os personagens, ganhar mais habilidades e pontos e torná-los mais rentáveis, o jogador deve ganhar as batalhas.

O que torna o jogo rentável é a possibilidade de comprar e vender os personagens na própria plataforma. O jogo já conta com mais de 615 mil jogadores e traders, que realizaram mais de 4 milhões de transações.

Principais vendas da coleção NFT em setembro de 2021

Apesar de Axie Infinity ocupar o primeiro lugar nas vendas de NFTs, outas coleções também ganharam destaque no mercado.

De acordo com a DappRadar, entre elas estão duas coleções populares, a saber, Bored Ape Yacht Club e NBA Top Shot.

As NFTs CryptoPunks agarrou o segundo lugar com 18.302 transações no total de 4.919 negociantes.

Enquanto isso, em terceiro lugar está Art Blocks, com US$ 680 milhões em vendas de mais de 107.000 transações.

NBA Top Shot e Bored Ape Yacht Club ocupam as duas últimas posições, com US$ 680 milhões e US$ 479 milhões em vendas, respectivamente.

Leia também: JPMorgan diz que o valor ‘justo’ do Ethereum é US$ 1.500

Leia também: Plataforma DeFi pNetwork perde 227 Bitcoins em ataque hacker

Leia também: Foxbit pode ter bancos tradicionais como sócios 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.