Ações da Coinbase chegam a recorde de baixa no preço

Na quinta-feira (6), as ações da Coinbase caíram novamente, registrando novas mínimas. A cotação do ticker COIN chegou a US$ 255,15. Enquanto isso, o mercado de criptomoedas segue na contramão, valorizando.

De acordo com dados do CoinGecko, o mercado de criptomoedas como um todo superou a marca de US$ 2,4 trilhões.

Ações da Coinbase caem

O ticker COIN chegou a ser negociado na quinta-feira por US$ 255,15, uma queda de 7% comparada ao fechamento do dia anterior.

O valor quase atingiu o preço de referência, de US$ 250, anunciado nas vésperas da estreia da empresa na bolsa.

Em abril, a exchange registrou quase US$ 100 bilhões em valor de mercado. Contudo, seu valuation caiu para menos da metade, agora em US$ 47,7 bilhões.

À Bloomberg, Mike Bailey, diretor de pesquisa da FBB Capital Partners, disse que uma das razões para venda das ações é a formação de uma “mini-bolha”.

“Vimos uma mini-bolha em SPACs, IPOs, criptomoedas, tecnologia limpa em hipercrescimento no final de 2020 e início de 2021. E, muitas dessas classes de ativos estão se alimentando de uma ressaca ruim.”

Embora não informe quais ativos estão na bagagem de “ressaca ruim”, é possível que o executivo tenha desconsiderado as criptomoedas. Visto que este mercado atingiu novas máximas na quinta-feira.

Enquanto as ações da Coinbase operam em baixa, as negociações com moedas digitais registram um novo alcance histórico.

Recentemente, as criptomoedas atingiram o recorde de US$ 2,4 trilhões em valor de mercado. O montante é superior ao valor da Apple, avaliada em US$ 2,1 trilhões.

Perda de dominância

Embora a valorização do Bitcoin nos últimos meses tenha aquecido todo o mercado, agora, a criptomoeda vem perdendo sua hegemonia.

Recentemente, a dominância do BTC caiu para 43%. Além disso, a moeda digital exibiu uma correção considerável depois de alcançar sua máxima de US$ 64.863,10. Atualmente, o Bitcoin está cotado a US$ 55.962,53.

Enquanto isso, grupos de altcoins estão rompendo zonas de resistência. Esta semana, a valorização do Ethereum atingiu US$ 3,5 mil, rompendo diversas vezes os recordes de preço anteriores.

Leia também: Mia Khalifa já lucrou 1.139% com Dogecoin esse ano

Leia também: Cardano (ADA) bate novo recorde de preço, mas ainda pode subir 75%

Leia também: Token valoriza 2.000% em 7 dias lançando NFT de conteúdo adulto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba informação em primeira mão e sem SPAM.


© Como Ganhar Dinheiro. Todos os direitos reservados.